Regulamento

REGULAMENTO CREATIVE C 2014

Artigo 1º Objeto

O presente regulamento visa estabelecer o modo de funcionamento do Concurso Creative C, uma iniciativa da Divisão de Inovação e Transferência de Saber da Universidade de Coimbra.

Artigo 2º Objetivos

São objetivos do Creative C, sensibilizar, dinamizar e reforçar a capacidade dos estudantes para o empreendedorismo, quer na vertente de criação de novas empresas, quer na vertente de intrapreneurship.

Artigo 3º Destinatários

O concurso destina-se a todos os estudantes matriculados nas instituições de ensino superior da da região Inov C [Universidade de Coimbra (UC); Instituto Politécnico de Coimbra (IPC); Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC); Instituto Superior Bissaya Barreto (ISBB); Instituto Superior Miguel Torga (ISMT); Escola Universitária das Artes de Coimbra (EUAC); Escola Universitária Vasco da Gama (EUVG); Instituto Politécnico de Leiria (IPL); Universidade Católica Portuguesa (UCP) – Caldas da Rainha; Instituto Superior de Línguas e Administração de Leiria; Instituto Superior D. Dinis].As candidaturas podem ser individuais ou apresentadas em equipas até cinco elementos.

Artigo 4º Fases

O concurso será constituído por cinco desafios propostos pela organização. Cada um desses desafios será subordinado a um tema, existindo uma data limite para apresentação das respetivas soluções, após a qual será divulgado o desafio seguinte. Os temas dos cinco desafios serão os seguintes:

1º desafio – Originalidade;

2º desafio - Marketing e Comunicação;

3º desafio - Evento “Social+4a Day”;

4º desafio - Resolução de Problemas;

5º desafioBusiness Intelligence.

Artigo 5º Inscrição

As inscrições deverão ser feitas através do preenchimento do formulário de inscrição online, disponibilizado no site www.creative-c.org, até ao dia 15 de abril de 2015.

Artigo 6º Funcionamento

1. À data de lançamento de cada desafio, será disponibilizado, no portal do Concurso,  o respetivo enunciado e meio para submissão de resposta (formulário online ou ferramenta para carregar documentos dependendo dos desafios). Cada equipa ou participação individual, só poderá submeter uma única resposta por desafio. No caso de ser recebida mais que uma resposta da mesma equipa será considerada apenas a primeira a ser recebida.

2. A organização não se responsabiliza por eventuais falhas ou problemas informáticos.

Artigo 7º Avaliadores

A avaliação das várias propostas em cada desafio será efetuada por um Júri nomeado pela organização, que terá em conta um conjunto de critérios indicados para cada desafio.

Artigo 8º Competências do Júri

1. O Júri delibera de modo definitivo, independente e irrevogável sobre todos os assuntos, dúvidas ou conflitos relacionados com a gestão do concurso, avaliações e entrega de prémios.

2. O Júri reserva-se o direito de alterar pontualmente o presente regulamento caso as circunstâncias assim o exijam, obrigando-se, nestes casos, a informar todos os participantes.

3. O Júri terá a seu cargo zelar pelo cumprimento do regulamento.

4. O Júri reserva-se o direito de não eleger uma equipa vencedora em um ou mais dos desafios, caso considere que nenhuma das propostas cumpre com os critérios mínimos do mesmo.

5. Da decisão do júri não haverá lugar a recurso.

Artigo 9º Exclusão de participação

Nenhum elemento do Júri ou da organização poderá participar neste concurso.

Artigo 10º Avaliação

1. As respostas a cada desafio serão avaliadas numa escala de zero a vinte. Através dessa avaliação será determinado o vencedor de cada desafio, que corresponderá à resposta com a avaliação mais elevada. No final dos cinco desafios, as equipas participantes serão seriadas de acordo com a classificação geral, calculada por média aritmética das avaliações de cada um dos cinco desafios.

2. De acordo com os resultados, serão atribuídos os seguintes prémios:

  • 1º classificado da tabela geral – 1500€ – 1º Prémio
  • 2º classificado da tabela geral – 1000€ – 2º Prémio
  • 3º classificado da tabela geral – 500€ – 3º Prémio
  • Vencedor de cada desafio – 100€ – Prémio de desafio

Artigo 11º Não acumulação de prémios

Não será permitida a acumulação de prémios. Se o primeiro, segundo ou terceiro classificados da Tabela geral de classificação tiverem ganho igualmente, um ou mais prémios de desafios, o respetivo valor acumulado em prémios de desafio reverterá para uma instituição de cariz caritativo a designar pela Organização.

Artigo 12º Menções honrosas

Caso o Júri assim o entenda, poderão ainda ser atribuídas menções honrosas a trabalhos que, pela sua qualidade e mérito, mereçam ser distinguidos.

Artigo 13º Divulgação

Os participantes autorizam que a organização do Creative C utilize, para divulgação, as suas propostas de resolução dos desafios.

Artigo 14º Casos omissos

Cada situação omissa neste regulamento será devidamente estudada e ponderada pelos elementos da organização, que tomarão as medidas que entenderem mais adequadas.